Dificuldades da maternidade: como superá-las

Quais são as dificuldades da maternidade?

Alguém espera viver o momento da maternidade sem dificuldades?

Dificuldades da maternidade

Tudo parece muito lindo e realmente bastante coisa é, mas é uma fase da vida que requer total atenção.

As mudanças são extremas, no corpo, nos hormônios, no aprendizado, no amadurecimento, na nossa maneira de pensar e de enxergar as coisas.

Para quem estar prestes a ser mãe é bom aprender logo. Dá um pouco de medo, parece tão sensível, mas o bebê não sente nada na hora que estamos higienizando o coto umbilical.

https://www.guiadobebe.com.br/cuide-bem-do-umbiguinho/

As inseguranças seguem com o dia a dia e descobrimos que somos mais capazes do que imaginávamos, porém as dificuldades da maternidade parecem não ter fim, vez ou outra a insegurança, a ansiedade nos bate a porta. Tive crises de choro, eram tantos sentimentos misturados e eu pensava: namoro quando não queremos mais, voltamos atras e terminamos, noivado, casamento,a escolha da profissão, a compra de um imóvel ou carro, mas um filho não tem como voltar atrás nesta decisão.

Temos que superar mesmo a força as dificuldades da maternidade e tentar viver isso um dia de cada vez. Respirar, secar as lágrimas, fazer uma prece e seguir em frente.

Pedir ajuda não faz mal, isso não demonstra fraqueza é bom sentir-se acolhido por alguém. Aprenda com os erros, estude o assunto, a internet disponibiliza muito conteúdo sobre como superar as dificuldades na maternidade, em assuntos específicos como por exemplo sono da criança, os primeiros passos, alimentação, rotina, etc.

Nos três primeiros meses da minha filha eu parecia um zumbi, mal dormia, e graças à Deus ela sempre foi bem saudável, mas o leite a cada três horas era fogo! Depois foi quando ela começou a andar, eu tinha que ficar com ela o tempo todo e a primeira vez que ela caiu e machucou a boca eu quase tive um colapso! Hoje acho o que passei engraçado, hoje estou mais calma, Sarah fez dois aninhos, ainda dá muito trabalho pois cuido dela sem ajuda de babá, sempre foi assim, nada contra as babás, foi apenas uma opção minha e não me arrependo.

Cada dia que passa vou superando as minhas dificuldades da maternidade buscando a melhor forma de agir, ainda choro de vez em quando, ainda fico ansiosa, ainda sinto medo, penso na educação do Brasil que não anda bem, penso na violência do mundo de um modo geral. Mas sabe o lado bom dessas dificuldades da maternidade? Estou me tornando uma pessoa melhor e isso faz com que minhas atitudes sejam melhores e busco de alguma forma ajudar o que está próximo de mim e isso é o começo para maiores mudanças.

Acredito que a cada nascimento de uma criança nascem novas pessoas, novas mães, novos pais, novos avós, novos tios e até mesmo novas pessoas a sua volta. Acredito que muitas pessoas assim como eu estão abrindo os olhos para pequenas mudanças que em breve podem se tornar grandes e benéficas a todos.

São através das dificuldades que surgem superações, aprendizado e melhorias.

Podemos e temos o direito a felicidade para nossa vida e para vida de nossos filhos.

O que pensamos quando engravidamos:

Pensamos em tantas coisas: no enxoval, no quarto, pré natal, nome da criança, exceto nas dificuldades que iremos enfrentar na maternidade, e não temos nenhuma garantia de que nos sairemos bem nessa nova função de mãe, às vezes precoce, em outros casos com mais idade, com marido ou sem marido, com dinheiro ou sem dinheiro e isso também não garante sucesso. É vivendo cada dia com o desejo de que tudo dê certo e com o comprometimento de darmos o nosso melhor.

Depois é aproveitar cada sorriso deste pequeno ser, aproveitar este cheirinho bom que eles trazem do céu, aprender o que eles nos ensinam com tanta honestidade, abraçar bem apertado, beijar bem beijado, estar presente de corpo e alma nas brincadeiras e ter gratidão à Deus, pois filho é benção!

Lilian Alves

Olá eu me chamo Lilian Alves, me tornei mãe aos 37 anos da pequena Sarah e quero compartilhar a experiência de poder ser feliz sempre, nessa nova etapa que é ser mãe!

Website: http://praviverfeliz.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *