Coronavírus: me fez parar pra pensar

O novo coronavírus me fez parar pra pensar: O que estamos vivendo? O que está acontecendo em nossas vidas? Nunca algo nos deixou tão indefesos, tão dependente do comportamento dos outros. Estamos de quarentena ou estamos aprisionados para que de uma maneira quase forcada pensássemos em nossa vida?

O coronavírus me fez parar pra pensar em tanta coisa que confesso, estou cansada de pensar, estou com dor de cabeça por ver as notícias na TV, estou dividida entre está atualizada nas informações desta pandemia e em fazer homeschooling com a Sarah. Ela entendeu fácil que devemos ficar em casa por uns dias . Ela entendeu que devemos cuidar melhor da nossa higiene e entendeu também porque por enquanto temos que evitar abraço, beijos e apertos de mão. Crianças entendem tudo com mais facilidade se formos sinceros e honestos no que falamos e fazemos. Ela confia no que dizemos, por isso pais e cuidadores devem se preocupar muito com a honestidade e exemplo para com os pequenos. Eles entendem se for explicado claramente.

Coronavírus: me fez parar pra pensar

Será que nós estamos entendendo tudo isso? Estamos ao menos parando pra pensar?

Nunca assisti a uma tragedia como esta, capaz de nos aprisionar em casa, de comprar mantimentos pra reserva, de pensar num plano B, se é que isso de plano B será mesmo possível.

Mas o coronavírus me fez parar pra pensar principalmente nas prioridades depois que tudo isso passar. Pois tenho fé de que tudo isso em breve vai acabar. E acredito que algumas pessoas estarão renovadas, algumas famílias estarão mais unidas, algumas autoridades estarão mais conscientes e acredito também que o mundo começará uma nova fase.

As pessoas estão sendo forçadas a fazerem uma introspecção, um auto conhecimento e com certeza isso trará algo positivo para a humanidade. É o que eu sinceramente espero que aconteça.

Vamos parar pra pensar no que somos e no que desejamos ser. Talvez não tenhamos uma próxima oportunidade. A vida é tão delicada, podemos perdê-la a qualquer momento. Algo que deve ser feito não deve ser tão adiado, aquele perdão, aquela ligação, aquele gesto de gratidão, aquele pedido de desculpas. Tudo isso e muito mais é mais fácil de fazer do que a certeza da morte nos tirando a oportunidade de fazer o que devemos e precisamos fazer agora.

Vamos ter fé de que podemos ser melhores do que somos, vamos nos esforçar para aproveitarmos a oportunidade desta vida. Vamos nos conhecer e olhar para dentro de nós mesmos um pouco e perceber o que realmente é importante. E depois vamos ser gratos pelo dom da vida e por cada dia para ser vivido da melhor forma.

Este blog pra viver feliz nunca viveu um momento mais propício para o seu uso. Devemos viver feliz! E tudo se torna aprendizado.

Beijos!

Lilian Alves

Olá eu me chamo Lilian Alves, me tornei mãe aos 37 anos da pequena Sarah e quero compartilhar a experiência de poder ser feliz sempre, nessa nova etapa que é ser mãe!

Website: http://praviverfeliz.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *